7 Dicas para Passar em Provas da CEBRASPE (Antigo CESPE/UNB)

Atire a primeira pedra quem nunca ficou preocupado ao saber que a banca de seu concurso seria a Cebraspe(ou antigo CESPE/UNB). Não se preocupe, pois esse medo acontece com todos os concurseiros que vão encarar essa banca que parece ser tão complicada.

Na verdade, a maioria dos cursos preparatórios fazem um terrorismo ao falar tão mal da Cebraspe. Ela é sim uma banca de dificuldade elevada, mas o grande motivo disso é para selecionar os candidatos mais bem preparados nos concursos que ela realiza.

A Cebraspe é responsável por certames de grande porte, como Concurso da Polícia Federal, PRF, INSS, Caixa, MPU e diversos outros concursos com milhões de inscritos. Se ela fizesse uma prova fácil, seria impossível selecionar poucos candidatos preparados no meio de tanta multidão. O que você precisa fazer para passar em provas da Cebraspe é entender como ela cobra as suas questões.

Neste artigo vamos dar 7 dicas que vão ajudar você a se preparar de forma eficiente para qualquer prova da Cesbraspe.

OBS: A dica número #6 é a que pode ajudar você a ganhar pontos extras na prova! 🙂

cebraspe

cebraspe

1# – Entenda a Cesbraspe

Como falei anteriormente, uma das principais dicas para passar em provas da Cebraspe é entender como ela cobra as suas questões. A Cebraspe tem um jeito diferente de cobrar as questões em prova porque ela adota o sistema certo/errado, em que uma questão errada acaba anulando uma questão certa.

Isso quer dizer que, em uma prova de 120 questões, se você acertar metade e errar metade a sua nota final será ZERO.

Eu, particularmente, gosto desse sistema porque ele seleciona aquelas pessoas que realmente estudaram e acaba tirando do jogo aquelas que vão no dia da prova apenas para chutar.

Então, a primeira dica é: Resolva o máximo de questões anteriores que conseguir da Cebraspe pois isso vai ajudar você a entende o estilo de prova e as pegadinhas que a banca costuma cobrar. Muitas questões acabam se repetindo ao longo dos anos e quem resolve as questões anteriores pode ser “premiado” no dia da prova com uma questão que já conhece.

Para encontrar as provas anteriores recomendamos o site PCI Concursos.

#2 – Deixe em branco as que você não sabe

A grande vantagem das provas da Cebraspe é que você não precisa saber tudo o que foi cobrado na prova. Você tem o recurso de deixar questões em branco sem perder pontos. No entanto, se você resolve marcar uma questão mesmo sem ter certeza, existe 50% de chance de você errar e perder ponto.

Sendo assim, a segunda dica é: deixe em branco as questões que você não sabe. No final da prova você pode até dar mais uma nessas questões, mas não marque nada sem ter certeza.

#3 – Comece pela matéria mais fácil (para você)

provas da cebraspe

Um erro muito comum entre quem vai realizar provas da Cebraspe é tentar resolver a prova do começo (português) ao fim (matéria específica). Você deve começar a prova pela questão que mais domina por dois motivos:

  1. Você estará nervoso no começo da prova e corre um grande risco de errar questões difíceis por isso.
  2. Ao começar pela matéria que mais domina e ter a certeza de que acertou as questões você irá ganhar confiança para o restante da prova.

#4 – Leia a mesma questão mais de uma vez

A Cebraspe é a campeã das pegadinhas em prova (os famosos pega-ratão), ao ler a mesma questão mais de uma vez você estará se blindando contra essas pegadinhas. Às vezes é uma palavra que a banca costuma trocar e já pode mudar todo o sentido da questão.

#5 – Estude por um material focado na Cebraspe

De nada adianta você pegar um material com questões da FCC ou FGV. O seu foco tem que ser totalmente na Cebraspe. Para isso é necessário estudar por um cursinho ou apostila de concurso que foque nas questões da banca. Recomendamos o Estratégia Concursos porque o foco deles é totalmente no edital do seu concurso, com muitas questões atualizadas da banca de seu concurso.

#6 – Ganhe pontos com a técnica do chute

cebraspe

Você conhece a técnica do chute para as provas da Cebraspe? Bom, é necessário ter muita cautela para ganhar pontos utilizando ela.

A principal regra é: você só vai conseguir ganhar esses pontos se realmente tiver estudado para a prova e acertado já várias questões.

A técnica é simples. Você vai somar quantas questões marcou como Erradas e quantas questões marcou como Certas, após isso irá fazer balanço e ver se houve alguma discrepância entre as duas. Por exemplo, se você marcou 50 questões como certas, 60 questões como erradas e deixou 10 questões em branco, existe uma grande chance de ganhar pontos chutando todas as 10 como alternativa Certa.

A Cespe costuma balancear o gabarito final entre 60 Certas e 60 Erradas, com pequenas variações, como 58 e 62, 56 e 64 e algumas outras. Nunca em um gabarito da Cespe você vai encontrar 40 questões Certas e 80 questões Erradas, por exemplo.

#7 – Treine Redação

É muito comum cair discursiva (redação) em provas da banca Cebraspe. Em concursos das carreiras policiais isso é quase obrigatório. Em outros concursos como Caixa e MPU também já tivemos redação.

A redação é uma forma que a Cebraspe tem de selecionar melhor o candidato, que precisa ir bem tanto na prova objetiva, quanto na discursiva.

Conclusão

E aí, o que achou dessas dicas da banca Cebraspe? Está preparado para a prova? Deixe o seu comentário abaixo com alguma dúvida que tenha ficado e bons estudos! 🙂

7 Dicas para Passar em Provas da CEBRASPE (Antigo CESPE/UNB)
4.88 (97.5%) 8 votes

7 Comentários

  1. PRF é uma ótima escolha, Clarice! O edital deve sair ainda em 2017!

    Bons estudos! =)

  2. Obrigado pelo comentário Andresa! Quanto mais cedo começar a entender a banca, maior sua chance de aprovação!

    Abraços

  3. Andresa

    Ótimas dicas, estou estudando muito para uma prova que ainda nem abriu mas que a banca foi CEBRASPE, e realmente a prova deles é como você disse no item #6, a que eu fiz e não passei foi 60 certas e 58 erradas mais variam. Parabéns Guilherme gosto muito de seu blog.

  4. Vinícius Vieira

    Adorei as dicas. Obrigado pela disseminação de conhecimento. Abraços!!

  5. CLARICE ANGÉLICA MACHADO

    ótimas dicas Guilherme…. Ja fiz provas da CESPE e realmente exige cuidado com as pegadinhas… passei mas não atingi uma boa classificação. Agora estou me preparando para a PRF e é provável que seja a CEBRASPE a banca organizadora…
    Adoro teu blog e estou sempre ligada nas suas dicas… obrigada..

  6. Gylwan Souza

    Bom Dia!
    Meu superior hierárquico (sargento R$ 3.950,00 soldo) sempre optou por estudar em editais tão difíceis como Cebraspe, na minha concepção de soldado R$ 1.875 soldo, parecia ser loucura, treinar tanto, tanto em um campo tão concorrido ele já era estabilizado deveria esquecer essa loucura de concursos e esperar a aposentadoria chegar depois dos 30 anos de serviço. Simplesmente depois de 3 anos ele passou no TCE AM – analista tributário (R$ 9.256,42 salário), e 4 anos depois MPF RJ auditor fiscal R$ 15.743,64, ao ouvir seu discurso de despedida descobrir a razão do porquê de tamanho sacrifício, em suas palavras ” Você não vai passar logo de cara no primeiro concurso que fizer, tão pouco vai deixar de estudar só porque acha muito difícil passar em concurso público de órgãos federais. Sempre se escreva para concursos, vestibulares, o dinheiro gasto será investimento à diferença está na sua persistência, não se acomode, quer aumento? Suba o degrau” se treinar sempre no campo mais difícil, quando o mais fácil chegar você vai estar preparado para qualquer banca que elabore o certame, é de degrau a degrau, é de insistir e não desistir. Só passa quem estuda, está na hora de despertar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *