CONCURSO ENCCEJA 2018: INSCRIÇÕES ABERTAS! CONFIRA OS DETALHES!

Tempo de leitura: 6 minutos

 

O Concurso ENCCEJA 2018 está com as inscrições abertas! Há milhares de brasileiros que não finalizaram o ensino médio durante o prazo “comum”: eles podem ter abandonado a escola porque quiseram ou por qualquer razão séria.

De toda forma, o Ministério da Educação concede a eles um exame para que possam atestar que conhecem as competências que esse ciclo de escolaridade pede e conseguir seu certificado.

Esse exame é chamado de Exame Nacional para Certificação Competências de Jovens e Adultos (ENCCEJA). Sendo aplicado às pessoas que estão na prisão e até para quem mora fora do país, quem o organiza é o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

 

Quem pode fazer o Concurso ENCCEJA 2018?

 

Para quem quer o certificado do ensino médio, é preciso ter 18 anos completos. A prova de 2018 permitirá que se consiga o certificado para nível fundamental também e, nessa situação, a idade mínima é de 15 anos completos. Essa não é uma prova somente para quem foi aluno de rede pública: os que eram de escola particular e não acabam o ciclo de escolaridade podem fazer o ENCCEJA.

A prova vai ser sobre todas as disciplinas que os estudantes teriam no ensino fundamental ou no ensino médio e só serão aprovados os que conseguirem 100 pontos, mas não totais: são 100 pontos por cada matéria. Há 30 questões de múltipla escolha em cada uma das suas quatro provas. Além disso, as pessoas farão também redação.

>>> Comece Agora a Estudar: Apostila ENCCEJA 2018

 

Para que o ENCCEJA serve especificamente?

 

Qualquer concurso público ou vestibular precisará do comprovante de escolaridade e os que não têm esse documento não conseguem fazer curso superior e nem ingressar no funcionalismo público. Deve-se dizer que certas empresas provadas também fazem questão do comprovante de escolaridade.

Depois que o concurseiro fez a prova do ENCCEJA e conseguiu a aprovação, é como se ele tivesse mesmo acabado o seu ciclo de escolaridade: a validade é a mesma de um certificado emitido pela escola.

Vale dizer que não é o INEP quem trata das certificações: ele somente faz as provas. É como um concurso público: a organizadora apenas faz as provas, mas é o órgão quem trata da posse. Por isso, os estudantes que precisarem saber mais sobre essas certificações ou tiver algum comprovante parcial precisam buscar a Secretaria Estadual de Educação.

 

Gratuito, mas com taxa se existir desistência

 

Diferente dos vestibulares e do Exame Nacional do Ensino Médio, ninguém paga para fazer o ENCCEJA. Contudo, algumas pessoas tomam proveito disso: elas acabam não indo, uma vez que não estarão desperdiçando seu dinheiro. Todavia, o INEP vai ter impresso a quantidade de provas de acordo com quem se inscreveu, ou seja, ficará com provas sem uso.

Em 2017, um número muito alto de estudantes deixou de fazer esse exame de certificação, trazendo prejuízo ao Instituto Anísio Teixeira. O modo para que essa ausência seja reduzida foi determinar o seguinte: em 2018, o indivíduo continua sem pagar para fazer o ENCCEJA. Porém, se ele faltar e quiser fazer o exame em 2019 ou qualquer outro ano, vai ter de pagar uma multa.

No caso de a pessoa poder mostrar atestado médico ou ter outra justificativa que possa ser comprovada, essa multa é retirada e ela pode estar no exame de certificação de graça novamente.

 

Como é o ENCCEJA Exterior?

 

Esse é o mesmo exame de certificação, mas é realizado nas embaixadas do Brasil e apenas para aqueles que têm a cidadania brasileira. Deve-se reforçar isso porque há milhares de brasileiros que vivem fora e que acreditam que não podem mais participar do exame de certificação, o que não é a realidade.

Alguns dos países que têm embaixadas onde se realiza o ENCCEJA são Suíça e também Portugal, além de Holanda e ainda da França. Pode-se realizar o exame na Espanha e também no Reino Unido, bem como no Japão e em outros lugares, quase sempre nas suas capitais. Vale dizer que o Japão e os Estados Unidos são os únicos onde se pode fazer a prova em mais de uma cidade.

Uma coisa a qual os brasileiros de ter atenção é que o horário do exame de certificação será o do Brasília. Por isso, quando se disser “13h”, por exemplo, é 13h de Brasília e não no fuso horário do país em questão. Se esses brasileiros tiverem medo de se confundirem, podem perguntar à embaixada quantas horas há à frente ou em retardo.

 

Inscrição

 

A respeito do exame que ocorre no Brasil, já são mais de 500.000 indivíduos inscritos em somente 3 dias. Deve-se ir ao http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja/#!/inicial até 27 de abril para se inscrever. A prova em si está marcada para 5 de agosto, mas cabe confirmar com o INEP.

As pessoas idosas, que estão grávidas ou que são lactantes podem fazer o ENCCEJA, mas terão de assinalar na sua inscrição o “atendimento específico”. Há disponível também o “atendimento especializado”, que é para quem tem visão monocular ou então surdez, além de discalculia e ainda de deficiência intelectual, bem como outras condições.

A respeito dessas necessidades especiais, a página do INEP onde se faz a inscrição para o exame de certificação tem acessibilidade: na parte superior, à direita, há um pequeno quadrado azul com duas mãos. À semelhança de quando se inscrevem para o ENEM, as pessoas criarão um login e não podem perde-lo: será com ele que elas verão os resultados do ENCCEJA.

Como se preparar

 

O exame de certificação do concurso ENCCEJA 2018 tem materiais disponíveis como um vestibular: existem até cursinhos preparatórios e uma série de conteúdos na Internet. Todos os que vão participar devem focar-se nos conteúdos do ciclo de escolaridade para o qual querem o certificado.

Como esse exame é de múltipla escolha, é recomendado que os estudantes treinem utilizando provas dessa natureza e, preferencialmente, que sejam das certificações dos outros anos.

No caso de as pessoas quiserem tentar fazer simulados, é preciso que elas sejam especialmente para certificação: as provas de vestibular não são apropriadas porque são mais complexas. Uma substituta favorável é a prova do ENEM.

>>> Comece Agora a Estudar: Apostila ENCCEJA 2018

CONCURSO ENCCEJA 2018: INSCRIÇÕES ABERTAS! CONFIRA OS DETALHES!
Avalie esse artigo!

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *